sexta-feira, 10 de julho de 2009

Fortaleza perde em Florianópolis

O Fortaleza perdeu por 3 x 1 para o Figueirense nesta sexta-feira no Orlando Scarpelli.

O Tricolor do Pici está na 14ª posição com 11 pontos e enfrenta o América no castelão na próxima terça-feira.

Ficha Técnica: Figueirense 3 x 1 Fortaleza

Figueirense: Wilson; Toninho, João Filipe e Régis; Lucas (Anderson Pico), Carlinhos, Paulinho (Alê), Fernandes (Vinícius Pacheco) e Egídio; Clodoaldo e Rafael Coelho. Técnico: Roberto Fernandes

Fortaleza: Alexandre Fávaro; Amarildo, Sílvio e Edson; Maisena, Júlio (Wanderley), Coutinho, Saulo (Kiko), Eusébio (Cristian) e Jailson; Marcelo Nicácio. Técnico: Giba


Data: 10/07/2009 (sexta-feira)

Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)

Árbitro: Antônio Denival de Morais (PR)

Auxiliares: Adair Carlos Mondini e Moisés Aparecido de Souza (PR)

Público: 3.418

Renda: R$ 11382,50

Cartões amarelos: João Filipe, Lucas, Paulinho (Figueirense) Júlio, Edson (Fortaleza)

Gols: Fernandes(foto), aos 5 minutos do primeiro tempo; Egídio, aos 24 minutos do primeiro tempo; Rafael Coelho, aos 19 minutos do segundo tempo (Figueirense). Sílvio, aos 25 minutos do segundo tempo (Fortaleza).
Foto : Clickrbs

Santa e Central duelam no Arrudão

O Técnico Sérgio China tem apenas uma dúvida para escalar a equipe do Santa Cruz para o jogo contra o central neste sábado às 4 da tarde pela 2ª rodada da Série D do campeonato brasileiro.

Leandro Gobatto, Rossini ou Neto Maranhão. Um dos três vai ocupar a vaga de Thiago Laranjeira que só volta daqui a seis meses.


O tricolor estreou vencendo o CSA em Maceió por 3 x 0.

Adelmo Soares, treinador do Central deve mandar a campo o seguinte time: Davi; Baiano, Sidney, Fernando Belém e Edson Leite; Cosme, Rodolfo Potiguar, Vagner Rosa e Laércio (Bibi); Guego e Wilton Pantera.

A Patativa venceu o Sergipe domingo passado em Caruaru por 1 x 0.

Márcio Bittencourt absolvido no STJD

O técnico Márcio Bittencourt foi absolvido por unanimidade pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, na tarde desta sexta-feira, no Rio de Janeiro e com isso, fica liberado para comandar o Náutico na partida deste sábado, diante do Palmeiras, no Palestra Itália.

O treinador foi para julgamento devido a expulsão na partida diante do São Paulo, no Morumbi, no dia 27 de junho.


Num momento em que o timbu precisa de força total, não seria nada bom ficar sem o seu comandante à beira do gramado.

Márcio armou um ferrolho para enfrentar o Palmeiras.

Dudú Araxá e Douglas Maia devem estrear.

Galiardo, Vágner e Gladstone fazem o trio de zaga.

Foto : DP


Sergipe perde Copa do governador



Uma noite festiva, era o aniversário do maior palco do futebol sergipano, os 40 anos do Estádio Estadual Lourival Baptista, onde várias partidas foram realizadas, mas, a expectativa dos torcedores estava voltada para a partida de fundo, entre Sergipe e São Domingos, na decisão da Copa Governo do Estado.

Mais preparado, o São Domingos conquistou o título, vencendo nas penalidades por 6 a 5.Um jogo que no tempo normal foi bastante corrido e sem abertura do marcador, ficando no 0 a 0. Surgi então, as cobranças de penalidades para definir o título, onde não vale subestimar o adversário.

Na primeira série dos tiros livres diretos, tudo ficou igual, 5 a 5. Na segunda série no time rubro, após a orientação do Técnico Quintino Barbosa, o goleiro Érico foi para cobrança e Ivan, dono do gol do São Domingos, foi lá no canto direito e defendeu.

O capitão do Coelho, o zagueiro Val foi para a sexta cobrança e conferiu o título para o representante do Agreste sergipano, que garantiu também, o direito de disputar a Copa do Brasil do próximo ano. O grande destaque foi o garoto Marquinhos, com os seus 17 anos mostrou personalidade profissional.A torcida do Coelho do Agreste como é carinhosamente tratado, foi ao delírio e em ritmo de muita festa foi comemorar junto à diretoria, jogadores e comissão técnica campeã.

Ficha técnica

SERGIPE: Érico, Glauber, Carlos André, Marcos Vinicius (Rafael) e Pedrinho (Diego Renato); Wallace, Matheus, Chicão e Juninho; Diego Itabaiana (Viola) e Fabinho Cambalhota. Técnico: Quintino Barbosa.

SÃO DOMINGOS: Ivan, Jaedson, Romão, Val e Fernandinho (Acácio); Marquinhos, Orlando (Paulinho), Edinho e Jeziel (Rogerinho); Nivaldo e André Saúde. Técnico: Luiz Ponde.
Logo após a perda do titulo, o técnico Quintino Barbosa entregou o cargo e lamentou a falta de reconhecimento de alguns torcedores. "Vou conversar com o presidente Motinha para comunicar a minha decisão", disse o treinador, ressaltando que o seu ciclo na equipe rubra já acabou.
Fonte : Blog do Adel Ribeiro
Foto : Emsergipe

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Hugo e Thiago fora de combate

O meia Hugo do Sport rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo.
A lesão vai afastá-lo dos gramados por cerca de seis meses e por isso o atleta não vai mais defender o Sport, pois o seu contrato de empréstimo com o clube só irá até dezembro de 2009.

O meia Thiago Laranjeira do Santa Cruz precisa fazer uma cirurgia no joelho esquerdo e não poderá mais atuar este ano. O atleta rompeu o ligamento cruzado anterior "LCA" e teve uma lesão colateral medial. Ele ficará de seis a oito meses longe dos gramados.

Hugo foi trazido por Émerson Leão e deixou Fumagalli e Luciano Henrique no banco.

Thiago Laranjeira foi trazido para preencher uma lacuna que existe há muito tempo na meia de ligação do Santa Cruz.

Quem perdeu mais?

O Sport sem Hugo?

Ou o Santa sem Thiago?

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Sandro Hiroshi vai para a Coréia

Nesta quarta-feira, o treinador do América de Natal, Guilherme Macuglia fez o primeiro coletivo da semana, visando a preparação da equipe para a partida diante do Bahia-BA, próximo sábado (11), às 16h10min, no estádio Machadão, válida pela décima rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Antes do início do treino, todos os jogadores e comissão técnica se reuniram no centro do gramado para se despedirem de Sandro Hiroshi, que está voltando ao futebol coreano. Num clima de descontração, Hiroshi cumprimentou seus colegas e conversou bastante com Guilherme Macuglia.

Logo após, o treino foi iniciado e a equipe principal começou com: Rodolpho, Thoni, Edson Rocha, Adalberto e Luciano Amaral; Ramirez, Alexandre Messiano, Somália e Rafael; Fábio Neves e Helinho. O time “B” foi formado por: Weverton, Breno, Plínio, Heverton e Tita; Jackson, Ricardo Oliveira, Gustavo e Guaru; Caio e Lúcio.

O destaque do coletivo foi o golaço marcado por Guaru, do meio do campo, surpreendendo o goleiro Rodolpho, que estava adiantado. O gol arrancou aplausos da torcida que se fazia presente no CT Abílio Medeiros.

Fonte: Site do clube

Mudanças na tabela da série C

A Diretoria de Competições da CBF comunica que a partida entre Sampaio Corrêa e Rio Branco, pela Série C, será realizada no Estádio Renê Bayma, em Codó, a 300 Km de São Luís, como cumprimento de pena de perda de mando de campo.

As partidas Sampaio Corrêa x Rio Branco e Icasa x CRB, pela Série C, sofreram modificações na tabela original da competição.

Sampaio Corrêa x Rio Branco - De 19 de julho para o dia 18 de julho
Icasa x CRB - De 19 de julho para o dia 22 de julho.

Fonte : CBFnews

Carta de um tricolor apaixonado

MEU ÚLTIMO DOMINGO DE SOLTEIRO...

IAE!? Fala galera tricolor, beleza?
Meu nome é Gustavo Santos, mais conhecido com PESSOAS, tenho 27 anos, sou professor universitário e moro em Garanhuns. Estou me casando no próximo sábado dia 11 de Julho e durante toda essa semana que antecedeu a estréia do Santa estava resolvendo se ia ou não viajar 180km para a ver a estréia do Tricolor do NE. Afinal de contas era meu último domingo de solteiro, não sabia se valeria a pena ter que viajar mais ou menos 2 horas para ir mais 2 para voltar, fora o risco da estrada pois a volta era a noite, gastar grana e ficar rodeado por pelos menos 6 mil machos!, Mas depois de muito pensar, decidi pelo óbvio, pelo Santa é claro que valeria a pena!
Primeiro tentei convencer a minha noiva a ir comigo (ela é carioca e torce pelo Flamengo, ou melhor, diz que torce – em PE é Santa claro!), mas na sexta-feira quando ele disse que não ia de jeito nenhum, resolvi ligar para um amigo meu que sempre vai ao jogos. Na sexta à noite ele acabou conseguindo a minha vaga. Qual a preocupação agora? Ingresso todas as informações que vinham eram que os ingressos para a torcida tricolor estavam esgotados, mas às 22h horas conseguimos garantir o ingresso.
E quem disse que consegui dormir? Parecia um menino na expectativa da viagem, era espera da viagem e de ver o Santa de novo em campo, oficialmente, fiquei rolando de um lado para o outro da cama e nada do sono vim, até que... já era hora de levantar! E às 9h. da manhã começamos a seguir viagem para Maceió. Éramos 14 tricolores das sete colinas, eu só conheci um deles, mas isso não importa o objetivo era o mesmo.
Chegamos a Maceió por volta das 11h. da manhã e já começamos a nos sentir em Recife (pensei que estava na cidade errada!) Só se viam as três cores por todos os lados. Aproveitamos para ir ao QG (onde estava a torcida coral), mas saindo do interior precisávamos ficar, ao menos, um pouco na Beira da Praia (hahahaha!).
Fomos para a frente do Rei Pelé em torno de 14h30 e tive a clara sensação de está passando pela Rua das Moças, só quando cheguei na frente do estádio lembrei que não estava em Recife e que tinha outra torcida, em menor número, verdade seja dita! E vale o registro de que durante este percurso estávamos escutando a Rádio AM Gazeta de Maceió (infelizmente não me lembro o nome do “profissional” que estava falando) e o comentarista dizia de 2 em 2 minutos: “Alô torcida a Azulina cadê você? Venha para o estádio. Torcedor que está em casa, está com medo do Santa, não precisa ter medo não vamos meter a “peã” neles...” (Hã!? Como assim?!) melhor nem comentar esta parte! Voltemos para a frente do estádio.
Como as duas torcidas organizadas são colaboradoras ou “irmãs” não existia clima de guerra nas ruas, apesar de muito bem policiada, não vi e nem soube de nem um caso de briga, somente as provocações normais antes do jogo. Tricolores dizendo que estavam na Av. Beberibe e azulinos dizendo que há 12 anos não ganhávamos deles (também não me lembro a última vez que tínhamos jogado!hahaha).
E ai veio o único ponto negativo da viagem. A entrada para o estádio foi um lixo, uma total falta de respeito com os Pernambucanos, um absurdo o que fizeram conosco. Eu na rampa, sem almoçar, naquele empurra, empurra e pensando “Os torcedores do Corinthians batem no peito para dizerem que são loucos, loucos somos nós, time na Série D, R$ 20,00 um ingresso da 4ª divisão (outro exploração!), viajando, deixando família em casa, voltar a noite e ainda trabalhar no outro dia, para sofrer deste modo, antes mesmos de começar o jogo! Se o Santa perder hoje, esses jogadores vão ver, eu já sei o que faço... não vou ao estádio no jogo contra o Central! (hahaha)”
Ao conseguirmos passar e entra no estádio, vi que o mascote do nosso grupo, um garoto de 13 anos, entrou mas estava sem ar e passando mal, o que me fez lembrar da final de 1995 contra o Náutico no Arruda, que eu estava com 13 anos também e fui para a Geral com meu padrinho e uns amigos dele e quando fomos entrar pela rampa, logo na subida nos perdemos e entrei só com o amigo do meu padrinho e quando estava quase desmaiando e sem ar a policia nos puxou.
Mas esqueçamos esses momentos ruins, pois finalmente estamos dentro do Estádio e vendo aquela torcida apaixonada, vibrante e verdadeira, em maior número, gritando o tempo todo, fazendo a torcida do CSA ficar apagada e ninguém conseguindo escutar ela. Superamos tanto a expectativa da organização que foi preciso invadir as áreas que estavam interditadas, e arriscada de cair, do trapichão.
E o jogo já está começando... Aos 13 minutos, com Juninho, vi que tudo tinha valido a pena. Mais uma vez cenas que ficarão para sempre na mente e no coração, a torcida coral vibrando, pulando, comemorando, tomando conta por completo do local. A emoção era tanta que quando olhei para um dos tricolores que tinha ido comigo ele estava chorando de emoção, um grande tricolor!
Até que o árbitro enxergou o pênalti e eu pensei: “Gustavo pegou três naquela final, hoje ele vai pegar um!” E claro que ele defendeu e ainda pegou o rebote! Nesse momento pensei: “Não perdemos mais hoje, de forma alguma!” A torcida foi injusta com ele no domingo passado... Mas também todo mundo sabe, menos o pessoal do CSA, Junior Amorim tem uma grande regularidade nos pênaltis: Sempre perde, é incrível! (hahahah), e além do mais ele é tricolor, mas só que como torcedor com o jogador mais não, igual a Marco Antônio, já valeu o que eles fizeram pelo Santa, com a nossa camisa ou quando jogavam “contra” ela! (ahahahahah).
Continuava a pressão do Santa e Reinaldo fez o segundo gol, logo após o fim do 1º tempo. No intervalo vi uma cena que jamais pensei que viria a presenciar no futebol brasileiro, torcedores do Santa e do CSA andando juntos pelo estádio, no mesmo local, em áreas comuns. Mas o pessoal não acreditava na força da nossa torcida, antes do inicio do 2º tempo já não conseguíamos encontrar nada, a venda, para beber nos bares do Rei Pelé.
Inicio do 2º tempo e o Santa fecha caixão e enterra o morto logo aos 10 minutos, Neto Maranhão fez o 3º gol, daí para frente foi só festa e alegria, ver e pular junto com toda a torcida tricolor que tinha viajado e sofrido para está ali. Fim de jogo e na saída tudo tranqüilo e sem problemas nenhum, mais uma vez, até porque, praticamente, só tinha tricolor na rua. E novamente a prova que os Alagoanos não conheciam a força de nossa torcida, do lado de fora do estádio todas as barriquinas e vendedores não tinham mais nada para vender, nem água!
Agora sim! Estávamos felizes e de alma lavada, podíamos voltar tranqüilo para Garanhuns e conseguimos relaxar tanto que até lembramos que não tínhamos almoçado e paramos para jantar e comer bem, finalmente!
No caminho de volta é claro que todos voltamos falando, brincando, analisando e aproveitando os últimos momentos dessa ótima viagem. E já marcando a próxima. E eu na certeza que valeu a pena demais passar meu último domingo de solteiro dessa forma, com a certeza de que ganhei um dia e não de que perdi.
É um domingo que ficou para a minha história, não por ser, só, o meu último domingo de solteiro, mas especialmente por saber que eu estava no jogo que marcou a volta do tricolor para seu lugar de merecimento!
Infelizmente no próximo sábado me caso em João Pessoa e não vai dar de maneira nenhum para ir ao jogo contra o Central (que fique bem claro que o “infelizmente” ali colocado é porque vou perder o jogo do Santa e não porque vou me casar, ta? Estou bem feliz por isso, apesar de alguns não acreditarem! Ahahaha), porém, com certeza, os tricolores das Sete Colinas terão representantes por lá, pelo menos um ônibus eu sei que vai. No jogo de Aracaju ainda estarei em lua-de-mel e para os tricolores de Garanhuns a data é em pleno Festival de Inverno de Garanhuns e a maioria trabalha, muito, nesse período.
Só poderemos voltar aos estádios no dia 25/07, contra o Aracaju no Mundão do Arruda, com toda a força e se Deus quiser e permitir sem deixar de ir a mais nenhum jogo.
Para finalizar gostaria de saber de uma coisa: não tem ninguém filmando esses jogos a partir da visão da torcida, as viagens, na entrada, no estádio e tudo mais, para no final do ano transformar em um DVD e se tudo der certo sendo em comemoração da subida? Queria muito fazer isso, mas não tenho uma câmera de filmar decente, vi um torcedor fazendo isso ao final do jogo, mas não sei se é para isso, espero que seja.
Desejo a todos uma ótima semana e que nossa caminhada junto com o Santa seja boa e fácil (não acredito nisso!) e que esta seja a primeira e última vez que jogamos a Série D.

Até a próxima.

Saudações tricolores!

Com PERNAMBUCANIDADE


Por Gustavo Santos – PESSOAS
1 - gugapessoas@hotmail.com
2 - http://twitter.com/sntcruz
3 - http://twitter.com/gugapessoas
4 - http://twitter.com/GaranhunsNewsPe

terça-feira, 7 de julho de 2009

Charles é o treinador do Centro Limoeirense


O Centro Limoeirense contratou Charles Muniz para dirigir a equipe na 2ª fase do Campeonato Pernambucano da série A2.

Um profissional de extrema competência tanto na preparação física, quanto no comando técnico. Já ganhou títulos pelo Náutico e pelo Santa Cruz, exercendo a função.
Boa sorte ao Charles na nova profissão que abraçou.

O zagueiro Edu Matos, ex-Serrano, volante Leandro Biton, ex-Santa Cruz, o meia Almir, ex-Náutico, o lateral-direito Wellington, ex-Santa Cruz, e o atacante Cláudio, ex-Central, Cabense e Santa Cruz também foram contratados pelo dragão de Limoeiro.

Alecrim vende camisas e faz promoção

O Alecrim de Natal venceu o seu primeiro jogo pela série D contra o Ferroviário por 1 x 0, jogando em Fortaleza.

No próximo domingo, o alviverde de Natal recebe o Flamengo do Piauí, em jogo a ser realizado no Estádio Machadão.

O diretor de futebol alecrinense João Maria Belmont em entrevista à Rádio globo de Natal, afirmou que foram confeccionadas 200 camisas especiais ao preço de 100 reais e já estão à venda na sede do clube e podem ser adquiridas também no fone 84-99233725.

Também estão disponíveis os ingressos da promoção "casadinha". As três entradas para os jogos contra Flamengo-PI, Treze e Ferroviário em Natal, vão custar 30 reais. Nos dias de jogos, a unidade vale 15 reais.

Meia Hugo vai passar por cirurgia

O Meia Hugo que chegou no mês passado na Ilha do Retiro sofreu uma contusão no joelho esquerdo e vai passar por uma cirurgia.

O fato foi constatado na tarde desta terça-feira pelos médicos do Leão da praça da bandeira.

O prazo para a volta aos gramados é de 6 a 8 meses.
Com informações de Matheus Sukar

Thiago Laranjeiras


O meio-campo Thiago Laranjeiras está fora do Campeonato Brasileiro da Série D. O jogador rompeu os ligamentos do joelho esquerdo ainda no primeiro tempo da partida de estreia na competição, quando o Santa Cruz venceu o CSA por 3 a 0, em Maceió.

De acordo com o médico tricolor, Leonardo Gouveia, Thiago Laranjeiras rompeu o ligamento cruzado anterior e teve ainda uma lesão colateral medial. De acordo com os médicos, o jogador será submetido a uma cirurgia dentro de dez dias e deve ficar afastado de seis a oito meses.
Fonte : Pe 360 graus

Torcedor coral marca presença em Maceió


Esta é torcida do Santa Cruz.

Esse estádio não é o Arruda.

É o estádio Rei Pelé em Maceió.

Parabéns ao torcedor tricolor que provou que o seu amor independe de divisão.

A equipe da Rádio Clube esteve presente, Romualdo Marques, José Gustavo e Rodrigo Gomes ficaram impressionados com a presença gigantesca da torcida coral.

Foto: Futebol Alagoano

Santa Cruz lança camisa "Fita azul"


O departamento de marketing do Santa Cruz confirma para esta quinta-feira, às 18h, o lançamento da nova camisa em homenagem ao título de Fita Azul do Mais Querido, que foi concedido pela Confederação Brasileira de Futebol ao Tricolor por ter feito uma excursão ao exterior e ter voltado invícto, mesmo atuando contra diversas seleções e grandes times da Europa, como o Paris Saint Germain/França.

O evento será realizado no auditorio do clube.
Fonte : DP

domingo, 5 de julho de 2009

ASA derrota Icasa e se aproxima da 2ª fase

Com uma vitória por 2 x 1 em cima do Icasa de Juazeiro do Norte, o ASA chega aos 13 pontos e se isola na liderança do grupo B da série C do Campeonato Brasileiro.

O jogo foi realizado no Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca.

Nena fez os dois gols dos alagoanos, enquanto que Pantico descontou para os cearenses.

O Icasa permanece na 2ª posição do grupo com 10 pontos.

O campeão Alagoano fica muito próximo da classificação para a próxima fase.

Salgueiro vence e se aproxima da zona de classificação

A vitória do Salgueiro por 2 x 1 em cima do Confiança, em pleno Batistão, deixou um problema imenso com o campeão sergipano.

Vãldson abriu o placar para o clube proletário, enquanto que Eridon e Paulo Rangel fizeram os gols dos Pernambucanos.

O carcará do sertão está na briga por uma das duas vagas na próxima fase.

Está na 3ª posição do grupo B com 9 pontos.

O Confiança é o 4º colocado com apenas 3 pontos e vai brigar com o CRB que ainda não pontuou, para não cair para a Série D.