sábado, 12 de novembro de 2011

Bahia e Atlético-GO lutam contra o rebaixamento


O Bahia tem um objetivo muito parecido do Atlético Goianiense na partida deste domingo, 13, às 19 horas, em Goiânia, no Serra Dourada, pela 35ª rodada da Série A do Brasileirão.

Ambas as equipes buscam nas rodadas finais do campeonato somar os pontos necessários para apagar qualquer chance de rebaixamento para a segunda divisão e, quem sabe, de quebra garantir uma vaga na Taça Sul-Americana em 2012.

O Bahia vem com muita moral após o histórico triunfo de virada por quatro a três sobre o São Paulo, em Pituaçu. Mas a situação ainda requer muitos cuidados.

Ocupando a 15ª posição com 39 pontos, cinco acima do Z-4, o Bahia deixa Salvador para dois difíceis jogos fora de casa contra o Atlético-GO neste domingo, e na quarta-feira contra o Internacional.

Para o técnico Joel Santana, o objetivo é trazer na bagagem qualquer pontinho destes dois jogos fora. Mas o treinador não confirmou se irá adotar uma postura mais defensiva ou ofensiva na partida.

Durante a semana, o técnico treinou o time com duas formações: com três volantes e um meia, ou com dois volantes e dois meias. No primeiro time, aquele que é o mais provável para iniciar o jogo, Fabinho, Fahel e Hélder fazem a marcação, deixando a criação para Magno, liberando Lulinha para jogar mais no ataque ao lado de Souza.

Mas a formação que melhor treinou durante a semana, marcando a maioria dos gols nos coletivos, foi a equipe com dois meias e dois volantes, com as saídas de Diones e Magno, para as entradas Nikão e Júnior, mudança que deu muito certo no jogo contra o São Paulo.

Dodô, titular da lateral-esquerda, acabou ficando fora de dois treinos durante a semana devido a dores na coxa esquerda, e não foi confirmado na equipe. Caso não saia jogando, Hélder será seu substituto.

Atualmente com 42 pontos, na 12ª posição, o Atlético Goianiense precisa de mais três pontos para afastar qualquer possibilidade de rebaixamento. Por isso, o técnico Hélio dos Anjos quer acabar com uma sequência ruim de três derrotas seguidas e evitar qualquer sufoco nas últimas rodadas.

O treinador terá o desfalque do volante Pituca, suspenso, mas conta com o retorno do meia-atacante Vitor Júnior, que estava machucado. A única dúvida na escalação do time é no ataque. Felipe e Juninho brigam por uma vaga no ataque da equipe goianiense.

Atlético Goianiense x Bahia
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: domingo, 13 de novembro.
Horário: 19h.
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ)
Assistentes: Marco Santos Pessanha (RJ) e Antonio de Sousa Parreão (TO)
Atlético-GO: Márcio; Rafael Cruz, Gilson, Anderson e Thiago Feltri; Agenor, Marin, Bida e Vitor Júnior; Anselo e Felipe (Juninho). Técnico: Hélio dos Anjos.
Bahia: Marcelo Lomba, Marcos, Paulo Miranda, Danny Morais e Dodô (Hélder); Fahel, Fabinho, Diones e Magno; Lulinha e Souza. Técnico: Joel Santana.

A Tarde

Waldemar Lemos afirma que o resultado poderia ser melhor

Por Ana Campos - Foto: Andre Nery/ Agência Náutico
Sincero e realista como sempre, o comandante do Náutico Waldemar Lemos foi enfático após o empate desta noite em 0x0, diante do São Caetano.
 “Não estamos satisfeitos com o resultado; temos que ter mais cuidado e um controle maior durante o jogo. Não atuamos bem, nem sempre dá certo, mas valeu o empenho do pessoal e sabemos que poderíamos ter saído com o resultado melhor”, comentou Lemos
Waldemar fez questão de falar do adversário “Temos que creditar o empenho do São Caetano, que tem uma boa equipe e fez sua parte dentro de campo. Não tivemos a tranquilidade necessária para vencer."
Sobre o jogo, o treinador do Náutico afirmou que o time “deveria ter trabalhado mais a bola; ventou muito, o campo não estava bem, mas não conseguimos nos movimentar. Foi difícil trabalhar contra uma equipe que é boa,” analisou Waldemar, para depois completar: “Vamos continuar trabalhando. Estamos dentro da competição e agora é permanecer focados e já pensar no próximo adversário.”

Nádson está pronto para vestir a camisa titular do América


O atacante Nadson chegou ao América e aos poucos foi ganhando o espaço no time. Apesar de não ter tido a chance de atuar como titular, o jogador está na relação dos jogadores que enfrentarão o Luverdense e espera poder atuar com a camisa alvirrubra. "Vamos ter dois jogos fora de casa e vamos lutar pela vitória. Quero jogar bem e ajudar meus companheiros a conquistar a meta", declarou.

Para o atacante alvirrubro, os jogadores sabem que este será o momento fundamental da equipe para seguir na briga para estar na segunda divisão. "Esse jogo é decisivo e sabemos que uma vitória neste jogo nos dará a oportunidade de buscar a vitória em casa, contra o Paysandu", declarou.

Ainda segundo o atacante rubro, o grupo está determinado e o apoio da diretoria é fundamental neste momento decisivo. "Nós temos que agradecer sempre a esta diretoria pelo apoio que vem dando. A presença dos dirigentes é fundamental. Eles vão viajar com o grupo e só temos a ganhar com isso. Não podemos nos omitir, como fizemos no jogo de ontem e temos que buscar bons resultados", finalizou.

Site Oficial do America-RN

Técnico do Santa Cruz fala sobre o gramado do "Mário Helênio"



portalcoralnet

Resultados da 36ª Rodada e Classificação da Série B

36ª RODADA
11/11 - 20h30Sport-PE4 x 0Americana-SP
11/11 - 20h30Icasa-CE1 x 0Salgueiro-PE
11/11 - 20h30Ponte Preta-SP1 x 2Boa Esporte-MG
12/11 - 16h20São Caetano-SP0 x 0Náutico-PE
12/11 - 16h20Vitória-BA3 x 1Criciúma-SC
12/11 - 17h00Vila Nova-GO1 x 3Portuguesa-SP
12/11 - 17h00Grêmio Barueri-SP1 x 3ABC-RN
12/11 - 17h00ASA-AL2 x 0Duque de Caxias-RJ
12/11 - 17h00Paraná-PR3 x 0Guarani-SP
12/11 - 17h00Bragantino-SP4 x 0Goiás-GO



1
Portuguesa-SP
75
36
21
12
3
76
38
38
0
69,4%
2
Náutico-PE
63
36
17
12
7
48
37
11
0
58,3%
3
Ponte Preta-SP
59
36
16
11
9
57
42
15
0
54,6%
4
Bragantino-SP
58
36
16
10
10
65
51
14
0
53,7%
5
Vitória-BA
57
36
16
9
11
58
45
13
0
52,8%
6
Sport-PE
55
36
15
10
11
58
44
14
0
50,9%
7
Ituiutaba-MG
53
36
15
8
13
40
37
3
0
49,1%
8
Americana-SP
53
36
14
11
11
37
41
-4
0
49,1%
9
Goiás-GO
51
36
16
3
17
51
55
-4
0
47,2%
10
Criciúma-SC
51
36
13
12
11
42
40
2
0
47,2%
11
ABC-RN
50
36
12
14
10
48
48
0
0
46,3%
12
Paraná-PR
49
36
13
10
13
47
41
6
0
45,4%
13
Grêmio Barueri-SP
47
36
13
8
15
44
51
-7
0
43,5%
14
Guarani-SP
46
36
13
7
16
45
47
-2
0
42,6%
15
Icasa-CE
46
36
11
13
12
52
53
-1
0
42,6%
16
ASA-AL
45
36
12
9
15
42
52
-10
0
41,7%
17
São Caetano-SP
45
36
10
15
11
54
50
4
0
41,7%
18
Vila Nova-GO
32
36
7
11
18
33
50
-17
0
29,6%
19
Salgueiro-PE
29
36
8
5
23
30
57
-27
0
26,9%
20
Duque de Caxias-RJ
16
36
2
10
24
30
78
-48
0
14,8%