sábado, 21 de abril de 2012

Eduardo Ramos não é mais jogador do Náutico

Eduardo-treino-novo
O meia Eduardo Ramos não faz mais parte do elenco do Clube Náutico Capibaribe. O presidente Paulo Wanderley confirmou na noite desta sexta-feira. A direção alvirubra e o pai do jogador, Carlos Antônio Martins chegaram a um acordo.
O atleta confirmou que recebeu uma proposta de outro clube e o Náutico não se opôs à sua saída.
Eduardo estava no Náutico desde 21 de dezembro de 2010.
Nos últimos jogos, vinha sendo muito cobrado pela torcida e não estava apresentando um bom futebol.

Últimos Fatos
Foto: Assessoria Náutico

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Dênis Marques destaca foco e determinação para eliminar o Salgueiro



Atacante Jael não quer Sport recuado nos Aflitos em primeiro jogo da semi do Pernambucano



Jael não quer pensar na vantagem de ter de jogar por dois resultados iguais nas semifinais do Campeonato Pernambucano, contra o Náutico. Para o atacante, jogar nos Aflitos é dificílimo, entretanto, o time rubro-negro tem totais condições de vencer fora de casa. Além disso, o Timbú não perde para o rival em seu estádio desde 2008.

De acordo com Jael, o Sport não pode atuar recuado para não atrair o adversário em seu campo. No último duelo entre as equipes nos Aflitos, duelo de igual para igual, e o resultado, empate sem gols.

- É um jogo de 180 minutos, mas a gente não pode deixar de buscar o resultado positivo no primeiro confronto. O Náutico já mostrou qualidade, principalmente em seu estádio e a partida será dificílima, assim como é em todo clássico. Temos que jogar com inteligência, sem atrair o time adversário para nosso campo, declarou.

O Sport e Náutico fazem o jogo de ida das semifinais do Campeonato Pernambucano neste domingo (22), às 16h, no Estádio dos Aflitos.

Justiça proíbe torcidas organizadas em clássico alagoano


O juiz da 13ª Vara Cível da Capital, Pedro Jorge Cansanção, proibiu o acesso de torcedores caracterizados do CSA e do CRB no clássico de futebol que está marcado para o próximo sábado, no Estádio Rei Pelé. A decisão tomada ontem atendeu ao pedido de liminar ajuizado pelos promotores de Justiça Max Martins e Denise Guimarães.

O Ministério Público Estadual tomou a iniciativa com fins de evitar confrontos e depredações provocados por membros das organizadas Comando Alvirrubro e Mancha Azul, como vem sendo constantemente registrado em jogos das duas equipes.

Em sua decisão, o juiz considerou que o Estado vive um tempo de violência “sem precedentes”, que atinge “diversos meios de relacionamentos sociais, incluindo o desporto”. “O palco para divertimento da família e dos apaixonados pelo futebol virou um cenário de guerra, um verdadeiro campo de batalha entre torcidas rivais, e a sociedade assiste incrédula o desenrolar de atos de violência, depredação de bens e vandalismos. A violência nos estádios de futebol defronta-se com o caráter sadio e educacional da prática desportiva. A violência protagonizada pelas torcidas organizadas impõe medo aos torcedores, familiares e amigos, comprometidos com a paz, a alegria e o divertimento dos espetáculos”, relatou na decisão.

Após breve e enfática argumentação, Cansanção decidiu que os integrantes das torcidas organizadas do CRB e do CSA não terão acesso ao Rei Pelé no dia 21 se estiverem com camisas, bonés, bandeiras, símbolos, calções, agasalhos, toucas, instrumentos ou qualquer objeto que os caracterize como integrantes ou simpatizantes das torcidas.

PM descobre convocação para arrastão no sábado

O serviço reservado de inteligência da Polícia Militar de Alagoas (PM) descobriu uma convocação pelo Facebook da torcida do CRB, Comando Alvirrubro, para um mega-arrastão programado com saída às 12 horas, no bairro de Jaraguá, em Maceió. Diante da descoberta e do histórico de conflitos durante os clássicos CSA x CRB, o Comando de Policiamento da Capital (CPC) montou um esquema diferenciado para a segurança do jogo que ocorre neste sábado, no Estádio Rei Pelé.

Segundo o comandante do CPC, coronel Gilmar Batinga, o esquema foi definido esta semana com a ajuda do serviço reservado de inteligência da Polícia Militar que conseguiu interceptar algumas informações de que a torcida do CRB estava marcando o mega-arrastão partindo de Jaraguá até o Estádio Rei Pelé.

“Serão 340 policiais militares distribuídos em vários pontos da capital. Por esta razão foi montada a operação ‘Jogo Limpo’ que visa combater os delitos no dia do clássico. O portão do estádio abre às 13 horas, deste modo a torcida do CSA só poderá entrar pela

Avenida Siqueira Campos e a do CRB pela Assis Chateaubriand depois do pronto-socorro. A torcida do CSA vai ocupar a rampa do Sesi e da geral, já a do CRB, o lado do placar, geral e arquibancada baixa”, explicou.

Gilmar Batinga disse também que haverá operações nos principais corredores de transporte da capital, com viaturas fazendo abordagens. Ele explicou que ainda não foi definido quem sairá primeiro do clássico CSA ou CRB, mas enfatizou que a decisão deve partir do comandante da Radiopatrulha, coronel Jairisson que estará de plantão no dia do jogo. Indagado sobre a decisão da Justiça de proibir as torcidas organizadas no jogo de sábado, o comandante do CPC foi enfático: “Eu acho ótimo”. Também na rede social Facebook foram feitas muitas manifestações de paz dentro e fora de campo.


Maceió Agora

Relacionados do Vitória para enfrentar o Sport


CAMPEONATO PERNAMBUCANO SUB-20 (JUNIORES) 2012

VITÓRIA DE SANTO ANTÃO X SPORT
21/04/2012 – SÁBADO: 15h15m – LOCAL: CARNEIRÃO

20/04/2012 – Sexta-F.           Concentração                      15h00m          CTT1
20/04/2012 – Sexta-F.           Jantar                                    18h00m          CTT1
20/04/2012 – Sexta-F.           Repouso                               22h30m          CTT1
21/04/2012 – Sábado            Despertar                             Livre                CTT1
21/04/2012 – Sábado            Café da manhã até               09h00m        CTT1
21/04/2012 – Sábado            Almoço                                  11h30m          CTT1
21/04/2012 – Sábado            Saída do ônibus                   13h30m         CTT1
21/04/2012 – Sábado            Preleção                               14h15m          CTT1
21/04/2012 – Sábado            Jogo                                      15h15m           Carneirão
21/04/2012 – Segunda-F.     Reapresentação                  15h30m          CTT1

Relacionados:

01        Hélio                            Goleiro
02        Walber                        Goleiro
03        Anderson José         Ala direita
04        Sérginho                    Ala esquerda
05        Adriano                      Zagueiro
06        Claudio                       Zagueiro
07        Leniclaudio                Zagueiro
08        Ricardo Almeida       Zagueiro
09        Escuro                        Volante
10        Everton Francisco    Volante
11        Anderson RodriguesVolante
12        Victor                           Volante
13        Berg                             Meia
14        Índio                             Meia
15        Felipe Santos            Atacante
16        Hugo                           Atacante
17        Jaqueira                    Atacante
18        Keine                          Atacante


Comissão Técnica:

José Rogaciano Ferreira (Rogaciano)     Técnico
Rogério L. dos Santos (Prof. Rogério)    Preparador Físico
Luiz Eduardo da S. Bezerra (Eduardo)    Preparador de Goleiros
José Ronaldo Barros                                 Massagista
Reginaldo da S. Alves (Irmão)                   Roupeiro
Jordan Correia da Cruz (Jordan)              Supervisor
Paulo Roberto Mayeda (Paulo Mayeda)   Gerente
Dr. Paulo Roberto Leite de Arruda           Presidente

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Bahia goleia Remo e avança na CB 2012

Eduardo Martins/Agência A TARDE
Após sufocar no primeiro tempo, primeiro gol do Bahia saiu apenas no 2º tempo, com Lulinha
Após sufocar no primeiro tempo, primeiro gol do Bahia saiu apenas no 2º tempo, com Lulinha
O Bahia precisava apenas de um triunfo simples, mas para que economizar? Nesta quinta-feira, 19, o Esquadrão de Aço goleou o Remo em Pituaçu, por 4 a 0, pela partida de volta da segunda fase da Copa do Brasil. Como o primeiro jogo terminou em 2 a 1 para os paraenses, o tricolor conseguiu se classificar para as oitavas de final sem problemas.
A sede de gols do tricolor resultou num verdadeiro drama durante o primeiro tempo. O Bahia pressionava o Remo, mas a correria era tanta que o gol acabou não saindo. Sem problemas, já que na etapa complementar o Esquadrão de Aço fez chover no gol dos paraenses.
Lulinha abriu o placar aos 13 minutos – após linda jogada de Madson -, Rafael Donato ampliou aos 27, Júnior fez o terceiro aos 30 e Vander fechou a goleada tricolor aos 34. O Remo precisaria fazer três gols nos dez minutos finais para garantir a classificação, o que não aconteceu. Com o resultado, o Bahia avançou com folga para as oitavas de final.
O adversário do tricolor na próxima fase será a Portuguesa, que passou pelo Juventude na segunda fase. O primeiro jogo será em São Paulo, no Estádio do Canindé, na quarta-feira, 24, às 19h30. A partida de volta será em Pituaçu, no dia 10 de maio, uma quinta-feira, também às 19h30.
Por enquanto, o tricolor volta as suas atenções para o Campeonato Baiano, onde encara o Vitória da Conquista, no próximo domingo, 22, às 16h, no Estádio Lomanto Júnior, pela primeira partida das semifinais do Campeonato Baiano.
Bahia 4 x 0 Remo - Jogo de volta pela 2ª fase da Copa do Brasil 2012.

Local: Estádio de Pituaçu, em Salvador (BA).
Data: Quinta-feira, 19 de abril.
Horário: 19h30.

Público: 14.896 torcedores.
Renda: R$ 288.075,00.

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ).
Assistentes: Wagner de Almeida Santos e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ).

Gols: Lulinha (aos 13 minutos do segundo tempo), Rafael Donato (aos 27 minutos do segundo tempo), Júnior (aos 30 minutos do segundo tempo) e Vander (aos 34 minutos do segundo tempo) para o Bahia.

Cartões amarelos: Rafael Donato, Madson, Fahel e Vander (Bahia); Juan Sosa, Jhonatan, Edinho e Diego Barros (Remo).

Bahia: Marcelo Lomba; Madson, Donato, Titi e Hélder (Danny Morais); Diones (Fabinho), Fahel, Gabriel e Morais; Lulinha e Júnior (Vander). Técnico: Paulo Roberto Falcão.

Remo: Adriano; Edinho, Diego Barros e Juan Sosa; Thiago Cametá, Jhonatan, Adenízio (Alan), Magnum e Aldivan (Marciano); Reis (Joãozinho) e Fábio Oliveira. Técnico: Flávio Lopes.

Vítor Villar/A Tarde

quarta-feira, 18 de abril de 2012

ABC precisa de empate com gols no Barradão para seguir na CB 2012



Ana Amaral/DN/D.A Press
Aguardando pelo adversário da decisão do Campeonato Potiguar, o ABC volta suas atenções para a Copa do Brasil. Hoje, às 21h50, o alvinegro encara o Vitória/BA, no estádio Barradão, em Salvador/BA. Para o duelo o comandante alvinegro terá três desfalques, mas contará com os retornos de Makelelê e Renatinho Potiguar.

Mesmo atuando fora de casa o pensamento abecedista é de buscar marcar um gol no início da partida. O motivo é simples. Por causa do empate por 1 a 1 no duelo da semana passada no Frasqueirão, os baianos entram em campo já classificados com o 0 a 0. "Precisamos marcar gols. Vamos enfrentar um adversário extremamente complicado. Não importa se iremos jogar bem. O que importa é o resultado e a nossa classificação", destacou o treinador Leandro Campos.

Para o duelo, o técnico não poderá contar com dois titulares. O zagueiro Alison ainda se recupera de uma lesão muscular e nem viajou com o restante do grupo. Já o meio campista Jérson pertence ao Vitória/BA e por força de contrato não pode jogar, assim como Adriano Pardal.

Por outro lado Campos teve duas boas notícias antes do embarque para a capital da Bahia. O volante Mekelelê foi regularizado junto a CBF e fará sua reestreia pelo clube. Já o lateral Renatinho Potiguar se recuperou de uma lesão muscular que o deixou longe dos gramados por quase dois meses. "Venho treinando normalmente e não estou sentindo mais dor. Agora é entrar em campo e ajudar o ABC a voltar com a classificação de Salvador", afirmou.

Já o rubro-negro baiano contará com os retornos de Neto Baiano maior artilheiro do Brasil com 24 gols e Pedro Ken, que não participaram da última rodada do Campeonato Baiano, já que estavam suspensos.

Prováveis resultados

Derrota por qualquer placar dá Vitória

Empate por 0 a 0 elimina os potiguares

Empate em 1 a 1 leva a decisão para os pênaltis

Empate por 2 ou mais gols classifica o ABC.

Vitória por qualquer placar dá ABC.


DN

Fortaleza recebe a visita do ex-goleiro Albérico


Foto


Concentrada em um hotel na praia de Boa Viagem, em Recife, a delegação do Fortaleza recebeu nesta quarta feira, a visita do ex-goleiro Albérico, com passagem vitoriosa pelo Tricolor de Aço, onde também deixou muitos amigos. Atualmente com 40 anos de idade e residindo em Olinda/PE, o ex-goleiro se prepara para assumir a função de treinador de futebol, após concluir curso na área.

Grande goleiro, marcou sua passagem pelo Fortaleza com destacadas atuações, não só no âmbito local como nacional, quando conquistou títulos marcantes da história do clube, como os campeonatos de 2004 e 2005. "Passei 12 anos de minha carreira no Sport, onde conquistei praticamente tudo que tenho, mas foi no Fortaleza que eu tive uma espécie de reavivamento da minha carreira, pois estava muito esquecido antes de jogar lá, por isso sou muito agradecido a esse clube, e a todos que conheci lá e que ainda hoje considero meus amigos, ” ressalta Albérico.

O último clube de Albérico foi o Campinense/PB, onde encerrou a carreira em 2008. Evangélico convicto, o ex-goleiro leonino é frequentador assíduo da Igreja Presbiteriana Casa Caiada, localizada em Olinda, cidade onde fixou residência.

Fortaleza

Náutico enfrenta Fortaleza tentando um "milagre" na Copa do Brasil


Julio Jacobina/DP/D.A Press
Derley é uma das principais peças para tentar o "milagre" diante do time cearense
Os questionamentos esvaziam a confiança dos alvirrubros numa “virada” sobre o Fortaleza. Como esperar quatro ou mais gols de um sistema ofensivo pouco criativo, saído há pouco de um jejum de quatro partidas sem balançar as redes? Ou, generalizando, como um time que vive o pior momento da sua crise de identidade na temporada vai reagir de uma hora para a outra, sem qualquer mudança significativa. E como não ver o duelo desta noite como uma tentativa de recuperar um pouco da autoestima e entrar mais confiante na semifinal do Estadual? Respostas a partir das 21h50.

Arte DP
O principal calo do time alvirrubro atualmente é justamente o setor mais necessário hoje e nos Clássicos dos Clássicos da semifinal do PE2012. Nesta noite, serão preciso quatro gols para levar a partida para os pênaltis, isso sem sofrer nenhum. Algo ainda não realizado pelo Timbu na temporada. A melhor vitória alvirrubra foi sobre o Araripina, nos Aflitos, por 3 a 0, na 14ª rodada. Nos nove jogos seguintes, o timbu fez apenas seis gols, perdeu o técnico Waldemar Lemos e deixou o torcedor desconfiado. Descrente, para ser mais preciso.

Não só a torcida. Os jogadores insistem na possibilidade de buscar a classficação, adotam o discurso do “nada é impossível”, mas na hora de cravar que o Náutico vai em busca da classificação, recuam e voltam a focalizar no Pernambucano. “Ninguém é mais criança, todo mundo sabe das dificuldades e vamos, a princípio, tentar vencer o jogo. Se o placar nos der a possibilidade de avançar de fase, melhor ainda. O nosso objetivo é entrosar o time, pois o Estadual está na reta final e temos que dar sequência ao trabalho, o que é mais importante”, declarou o goleiro Gideão.

Necessidade
A missão de hoje é ingrata. A da semifinal, nem tanto. Em comum, no entanto, está a necessidade de fazer gols. Se o Náutico não conseguir romper a defesa leonina, o Sport conseguirá a classificação, isso porque tem a vantagem do empate na soma dos dois resultados. Por isso o momento é de acertar a pontaria. Só assim para conseguir vencer a desconfiança. Hoje, amanhã e depois.


PESUPERESPORTES

terça-feira, 17 de abril de 2012

Ministério Público de Pernambuco recomenda veto às torcidas organizadas

As torcidas uniformizadas estão vetadas para os jogos da fase decisiva do Campeonato Pernambucano de 2012, incluindo semifinal e final. A decisão, uma recomendação, na verdade, foi tomada pelo promotor Ricardo Coelho, do Ministério Público de Pernambuco (MPPE). O documento será aos quatro clubes envolvidos na disputa (Sport, Santa Cruz, Náutico e Salgueiro), à Federação Pernambucana de Futebol (FPF) e também para o comando da Polícia Militar do estado. 

No veto, válido já para este fim de semana, será proibido o acesso de torcedores com camisas das torcidas organizadas, bandeiras e instrumentos musicais. "A medida vai ser aplicada porque a situação de guerra no domingo passado é inaceitável. A medida impõe que haja um controle rígido pela polícia, FPF e clubes", disse o promotor, em entrevista ao Superesportes. 

Clubes e FPF terão 48 horas para analisar a recomendação e informar ao Ministério Público se vão ou não cumprir a medida. Caso a resposta seja negativa, qualquer incidente nas partidas, motivado por ações das torcidas organizadas, as diretorias dos times da federação poderão ser responsabilizadas pelos atos.

Em relação às organizadas, os torcedores que se sentirem prejudicados com a decisão poderão entrar na Justiça para adquirir o direito de entrar no estádio com o respectivo uniforme da torcida organizada. 

Texto do MPPE para embasar a recomendação sobre a proibição:

"Considerando que o torcedor tem direito a segurança nos locais onde são realizados os eventos esportivos antes, durante e após a realização das partidas. Considerando os graves tumultos recentemente ocorridos entre torcidas organizadas dos clubes de futebol no Estado de Pernambuco, gerando crimes e depredações de patrimônio público e privado dentro e fora dos estádios, nos dias de partidas de futebol do Campeonato Pernambucano de 2012; Considerando que algumas torcidas organizadas do pernambucano têm atuado como organizações criminosas, praticando crimes e perturbando a ordem pública, com repercussões graves que atingem torcedores e a população em geral;

Considerando que o Ministério Público de Pernambuco, através da 19º Promotoria de Justiça de Defesa da cidadania da Capital com Atuação na Promoção e Defesa dos Direitos do Consumidor estará, ao final deste Procedimento Preliminar, ingressando com uma Ação Civil Pública visando a PROIBIÇÃO DE FUNCIONAMENTO DAS TORCIDAS ORGANIZADAS E A DISSOLUÇÃO JUDICIAL DESTAS PESSOAS JURÍDICAS (OU SOCIEDADES DE FATO), uma vez que algumas destas entidades têm sido utilizadas predominantemente para a prática de atos criminosos; Considerando que a prevenção da violência nos esportes é de responsabilidade do poder público, das confederações, federações, ligas, clubes, associações ou entidades esportivas, entidades recreativas e associações de torcedores, inclusive de seus respectivos dirigentes, bem como daqueles que, de qualquer forma, promovem, organizam, coordenam ou participam dos eventos esportivos.

Considerando que, sem prejuízo do disposto nos arts. 12 a 14 da Lei nº 8.078, de 11 de setembro de 1990, a responsabilidade pela segurança do torcedor em evento esportivo é da entidade de prática desportiva detentora do mando de jogo e de seus dirigentes; Considerando que as entidades responsáveis pela organização da competição, bem como seus dirigentes respondem solidariamente com os clubes e seus dirigentes, independentemente da existência de culpa, pelos prejuízos causados a torcedor; Considerando que é torcida organizada, a pessoa jurídica de direito privado ou existente de fato, que se organize para o fim de torcer e apoiar entidade de prática esportiva de qualquer natureza ou modalidade."



SuperEsportes

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Falcão enaltece garotos do Bahia e convoca torcida para confronto com o Remo para


Site oficial do Bahia
 Técnico convoca torcida para a Copa do Brasil
Com três suspensos, alguns lesionados e outros poupados, o técnico Paulo Roberto Falcão tinha uma lista de 18 ausências para enfrentar o Atlético de Alagoinhas neste último domingo, dia 15 de abril. A solução para encontrar a escalação ideal foi recorrer aos garotos da base. Os laterais Jussandro e Raylan tiveram oportunidade inclusive de iniciar a partida e não decepcionaram o comandante.

Após a vitória por 2 a 1, Falcão não poupou elogios para os estreantes da tarde e até justificou o motivo de tirar Raylan durante a partida. "Raylan havia tomado cartão amarelo e resolvi mudar para que ele não ficasse marcado com uma expulsão. O Atlético só estava jogando pelo lado dele. O Jussandro também esteve bem. Os dois fizeram um bom jogo. Todo mundo está feliz. Eu também estou muito feliz", afirmou.

Antes de pensar nas fases finais do Campeonato Baiano, a meta do comandante é ter êxito na Copa do Brasil, na próxima quinta-feira, dia 19, às 19h30, contra o Remo. Falcão pediu para que os torcedores compareçam em Pituaçu e ajudem o tricolor baiano na busca por uma vaga para as oitavas de final da competição nacional, após derrota por 2 a 1 em Belém. Uma vitória simples, por 1 a 0, garante o time nas oitavas.

"Agora só estou pensando no Remo. O pensamento de todos nós será o Remo. Aproveitou para convocar e chamar o nosso torcedor. Lá, o grande diferencial foi o torcedor. Preciso que o torcedor compareça e nos incentive", convocou comandante.

Uol

Central 1 x 2 Náutico - Os Gols



Camfwayne5

Sport 2 x 1 Santa Cruz - Melhores momentos







Blog Futebol Bahiano

domingo, 15 de abril de 2012

Ferroviário vence, mas não evita rebaixamento


Ferroviário venceu o Guarani de Juazeiro por 2 a 1 neste domingo (15) jogando em Maranguape, mas não evitou seu rebaixamento para série B do Cearense. O Ferrão dependia, além de si mesmo, de uma derrota do Icasa, que não aconteceu.
Precisando da vitória, o time coral não começou bem. Erros de passes e jogadores sem concentração aumentavam a tensão do clube. O único lance de perigo aconteceu aos 20 minutos, quando Bruno Paulista acertou a trave do Guaraju.
Com ambos times desmotivados, o primeiro tempo terminou em 0 a 0. Já no início da segunda etapa, o atacante Canga abriu o placar para o Ferroviário aos nove minutos.
O Tubarão da Barra comemou apenas por 10 minutos. O clube de Juazeiro empatou aos 19 com Paulo Robson. Nessa altura do campeonato, o Ferroviário já se via rebaixado, pois o Icasa vencia a partida contra o já rebaixado Itapipoca.
Apesar de tudo, o Ferrão ainda teve forças para marcar o segundo gol aos 35 do segundo tempo. Rafinha foi lá e marcou de penâlti. Terminando em 10º colocado, o time da Barra do Ceará vai competir o Campenato Cearense 2012 na série B.

Jangadeiro

Sport vence clássico em tarde de Bruno Aguiar


O Sport recuperou uma parte da confiança da torcida rubro-negra ao vencer o Santa Cruz por 2 x 1 na Ilha do Retiro.

O nome do jogo foi o zagueiro Bruno Aguiar, ao fazer os gols da vitória leonina.

Ele também havia marcado na derrota para o Paysandu pela Copa do Brasil.

Flávio Caça-Rato fez o gol do Santa.

Os leões tiveram o maior volume de jogo na primeira etapa.

Jael, Marcelinho Paraíba e Jheimy perdem oportunidades nesta etapa do jogo.

O Santa Cruz preferiu ficar na defensiva.

Não teve chances no 1º tempo.

As duas modificações do intervalo surtiram efeito. Natan e Branquinho em lugar de Leandro Souza e Carlinhos Bala apresentaram a atitude que faltou ao tricolor no 1º tempo.

Branquinho e Jéfferson Maranhão tiveram as melhores chances na segunda etapa.

Neílson Santos não foi bem na arbitragem.

Economizou um cartão para Leandro Souza. Não marcou a mão na bola de Branquinho em ataque do Santa, e se complicava se saísse o gol. Deixou de marcar um pênalti em cima de Natan.

Público: 20.008
Renda: R$ 169.240,00



Vitória aplica maior goleada da Copa do Brasil feminina


Com um futebol envolvente o Vitória passeou diante do América (RN), no estádio Nazarenão, em Goianinha, na noite deste sábado (14), na partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil feminina. O Tricolor das Tabocas goleou o time natalense por 15x0. Um show para o pequeno grupo de torcedores do Vitória que viajaram até o Rio Grande do Norte para acompanhar o time na Copa do Brasil. 

Thaisinha marcou cinco vezes; Ketlen marcou três vezes, Carol Baiana e Dora Maria marcaram dois, Bia, Maria e Jeniffer completaram o placar. 

Com este placar o Vitória (PE) entrou para a história da competição com a maior goleada em Copas do Brasil, nas cinco edições realizadas do torneio. 

No domingo passado pelo Estadual o Vitória aplicou uma goleada de 24x0, a maior do futebol brasileiro no ano. 

O adversário do Vitória nas quartas de final sairá da partida entre Viana/MA x Pinheirense/PA. O time paraense levou a melhor no primeiro confronto, ao vencer as maranhenses por 1x0 jogando fora de casa. 



Ficha do Jogo: 
América (RN) - Galega; Bia, Graça (Jady), Jamayra e Josi; Lili, Tonha (Andreia), Fafá e Valessa; Carol e Mariana (Erika). Técnico: Severo Júnior.

Vitória (PE) - Thaís Picarte; Cida, Carol Arruda, Zizi (Jenifer) e Joice; Cida, Thorunn (Aline Xavi), Bia e Ketlen (Jenyffer); Dora Maria e Thaisinha. Técnico: Caiio Couto.



Local: Estádio José Nazareno do Nascimento (Nazarenão), Goianinha (RN)

Árbitro: Emanuel Diniz de Araújo (PB)

Assistentes: Luciana da Silva e Aldeilma Luzia da Silva (RN)

Gols: Thaisinha (5), Ketlen (3), Dora, Carol Baiana (2), Jenyffer, Bia e Cida (1).
,BR >Confira outros resultados das oitavas de final da Copa do Brasil.

Atlético-MG 1x2 Centro Olímpico

Viana-MA 0x1 Piranhense-PA

Foz Cataratas 2x0 Francana

Kindermann 1x1 São José

América-RN 0x 15 Vitória-PE (classificado)
Serra-MT 1x4 Vasco-RJ (classificado)


Últimos Fatos