sábado, 20 de outubro de 2012

Resultados, classificação e próximos jogos da Série B


 ClubePGJGVIEMDEGPGCSG%A
1 Criciúma-SC6531205666452169.9
2 Goiás-GO6431197557302768.8
3 Vitória-BA6331196651331867.7
4 Atlético-PR5831184953312262.4
5 São Caetano-SP5731169646301661.3
6 Joinville-SC5231157948282055.9
7 América-MG4631144134843549.5
8 Avaí-SC4631144133636049.5
9 Ceará-CE4531129104844448.4
10 América-RN4431128114546-147.3
11 ASA-AL4031124154140143.0
12 Paraná-PR3931109124041-141.9
13 Boa Esporte-MG3831108134047-740.9
14 Guarani-SP3731910122936-739.8
15 ABC-RN363199133840-238.7
16 CRB-AL303186173556-2132.3
17 Guaratinguetá-SP283184193053-2330.1
18 Bragantino-SP283177173349-1630.1
19 Ipatinga-MG243166192957-2825.8
20 Grêmio Barueri-SP233158182856-2824.7

31ª RODADA
19/10 - 19h30ASA-AL3 x 0Ceará-CE
19/10 - 19h30Ipatinga-MG4 x 0América-RN
19/10 - 19h30Grêmio Barueri-SP2 x 2São Caetano-SP
19/10 - 21h50Avaí-SC1 x 4Goiás-GO
20/10 - 16h00Guarani-SP0 x 3América-MG
20/10 - 16h00Joinville-SC3 x 1CRB-AL
20/10 - 16h00Vitória-BA0 x 2Atlético-PR
20/10 - 16h00ABC-RN1 x 0Bragantino-SP
20/10 - 16h00Paraná-PR1 x 1Criciúma-SC
20/10 - 21h00Boa Esporte-MG0 x 1Guaratinguetá-SP
32ª RODADA
23/10 - 15h00Atlético-PRxGuarani-SP
23/10 - 19h30Goiás-GOxASA-AL
23/10 - 19h30São Caetano-SPxIpatinga-MG
23/10 - 19h30América-RNxJoinville-SC
23/10 - 19h30Criciúma-SCxGrêmio Barueri-SP
23/10 - 19h30CRB-ALxVitória-BA
23/10 - 21h50Bragantino-SPxAvaí-SC
23/10 - 21h50América-MGxBoa Esporte-MG
23/10 - 21h50Guaratinguetá-SPxABC-RN
23/10 - 21h50Ceará-CExParaná-PR

ABC vence e fica mais distante do Z-4



Na estreia do técnico Givanildo Oliveira, o ABC encarou o Bragantino, em jogo de seis pontos, e contou com seu bom segundo tempo para vencer o time paulista por 1 a 0, e se distanciar da zona de rebaixamento. Com o gol marcado por Cascata, aos 11 da etapa final, o alvinegro chegou aos 36 pontos, na 15ª colocação e abriu oito pontos do Z4.

A derrota do Bragantino, que abre a zona de rebaixamento, com 28, em 17º, não foi apenas a boa notícia para a torcida alvinegra. A derrota do CRB para o Joinville, em 16º, deixou os alagoanos com 30 pontos, seis a menos que o time potiguar.

Na 32ª rodada, com todos os jogos na terça-feira (23), o ABC visita o Guaratinguetá, em São Paulo, no estádio Dario Rodrigues Leite, às 21h50. No mesmo horário, o Bragantino recebe o Avaí, no estádio Nabi Abi Chedid.

Ficha do jogo – ABC  1 x 0 Bragantino
Estádio: Frasqueirão
Escalações:
ABC: Camilo, Pedro Silva (Ivan), Flávio Boaventura, Vinícius e Renatinho Potiguar; Bileu, Serginho, Walter Minhoca e Cascata (Gladstone); Éderson e Adriano Pardal (Raul). (Técnico: Givanildo Oliveira).
Bragantino: Gilvan, Diego Macedo, André Astorga(Tito), André Vinícius e Bruno Iotti; Carlinhos, Acleisson e Kadu; Tiago Luis(Caiom), Malaquias(Wallaccer) e Lincom. (Técnico: Vagner Benazzi).

Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Assistentes: Elan Vieira de Souza (PE) e Ramires Santos Cândido (ES).
Cartões: Malaquias (amarelo, Bragantino); Cascata (amarelo, ABC); Kadu(amarelo, Bragantino); Tito (vermelho, Bragantino).
Público total: 7.043
Renda: R$ 57.427,00

DN
Foto: Site do ABC

Sampaio joga pelo empate para conquistar Série D



Neste domingo, o Sampaio Corrêa-MA recebe o Crac-GO no Estádio Castelão, em São Luís-MA, pela partida de volta da final do Campeonato Brasileiro da Série D. Depois do empate por 1 a 1, em Catalão-GO, o Sampaio pode garantir seu terceiro título nacional com apenas um empate sem gols, pelo gol feito fora de casa.

Fundado há 89 anos, o Sampaio já conquistou o título Brasileiro da Série B, em 1972, e da Série C, em 1997, invicto, podendo repetir o mesmo feito esse ano. Depois de passar 100% pela primeira fase, o time eliminou o Vilhena-RO, Mixto-MT e Baraúnas-RN sem ao menos uma derrota e, por isso, chega à final com status de favorito.

Porém, do outro lado do campo, o adversário também tem motivos para sonhar com o título. Depois de recusar a vaga na Série D nos últimos dois anos, o Crac aceitou disputar a competição e não decepcionou seus torcedores. Em seu primeiro ano na quarta divisão, desbancou o Nacional-MG, Friburguense-RJ e o Mogi Mirim, nos mata-matas, para conquistar o acesso inédito à Série C, além da vaga na final.

Para surpreender o Sampaio Corrêa, o time goiano espera contar com os gols do artilheiro da competição, com 13 gols, Nino Guerreiro. Além da primeira fase, o jogador foi decisivo no mata-mata como nos confrontos das semifinais, contra o Mogi Mirim, onde o atacante marcou todos os gols que eliminaram o time paulista por 3 a 1, no placar agregado.

Além de Sampaio Corrêa e Crac, Mogi Mirim e Baraúnas garantiram o acesso à Série C de 2013.

AFI

Classificação da Série A

 ClubePGJGVIEMDEGPGCSG%A
1 Fluminense-RJ6931209251213074.2
2 Atlético-MG6031179551262564.5
3 Grêmio-RS5932178746271961.5
4 São Paulo-SP55311741048291959.1
5 Vasco da Gama-RJ503114893834453.8
6 Internacional-RS45311112840301048.4
7 Botafogo-RJ4431128114541447.3
8 Corinthians-SP44321111103934545.8
9 Cruzeiro-MG4332127133841-344.8
10 Coritiba-PR4232126144549-443.8
11 Santos-SP4231101293939045.2
12 Náutico-PE4031124153847-943.0
13 Portuguesa-SP3831911113535040.9
14 Ponte Preta-SP3731910123442-839.8
15 Flamengo-RJ3731910123141-1039.8
16 Bahia-BA3632812123136-537.5
17 Palmeiras-SP323295183141-1033.3
18 Sport-PE303179152949-2032.3
19 Figueirense-SC283177173659-2330.1
20 Atlético-GO233158183155-2424.7

Bahia empata e fica próximo ao Z-4



O Bahia viu a distância para a zona de rebaixamento diminuir após o confronto deste sábado, 20, contra o Corinthians no Pacaembu, em São Paulo. O esquadrão fez um jogo equilibrado com o time paulista e saiu de campo com o empate em 1 a 1, em jogo válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o tricolor permanece na 16ª posição do torneio nacional, agora com 36 pontos ganhos, apenas quatro a mais que o Palmeiras - primeiro time na zona da degola -, que derrotou Cruzeiro por 2 a 0, também nesta tarde.

Caso o Sport vença o confronto contra o Atlético-GO, neste domingo, 21, no Serra Dourada, em Goiás, a vantagem do Bahia para o grupo dos quatro últimos, que já foi de oito pontos, cai para três, acirrando ainda mais a disputa para fugir do fantasma do descenso na reta final do campeonato. O Corinthians, que sofreu seu quinto empate em casa, permanece na oitava posição, com 44 pontos.

O jogo no Pacaembu foi equilibrado, com boas oportunidades de gol para as duas equipes. Quem saiu na frente foi o Corinthians, que abriu o placar logo aos 10 minutos do primeiro tempo após a cobrança de pênalti do meia Douglas. Sem se abalar, o Esquadrão conseguiu o empate ainda na primeira etapa, aos 32 minutos, com o volante Fahel, que marcou de cabeça depois da falta cobrada pelo meia Kleberson.

O próximo desafio do Bahia, na luta pra fugir da zona da degola, é contra o Grêmio. O jogo acontecerá no estádio de Pituaçu, em Salvador, no sábado, 27, às 18h30. No mesmo dia, mais cedo, o Corinthians enfrentará o time do Vasco no Pacaembu, às 16h20.

O jogo - Ameaçado pelo fantasma do rebaixamento, o Bahia entrou em campo nesta noite tentando ampliar a distância para o quatro últimos colocados da competição. E o tricolor começou no ataque contra o Corinthians: aos três minutos, Fabinho recebeu passe de Elias e cruzou com perigo na área. O goleiro Cássio teve que se antecipar para ficar com a bola. Apesar da pressão inicial, foi o time paulista quem inaugurou o marcador. Aos 10 minutos,  Danny Morais derrubou Guilherme na área e o juiz assinalou o pênalti. Na cobrança, o meia Douglas colocou o Timão na frente: 1 a 0.
Enquanto o Corinthians permanecia no ataque, o Bahia tinha dificuldades para armar jogadas ofensivas. Aos 25 minutos, Douglas levantou  a bola na área e, antes da chegada do atacante Martínez, o volante Fabinho se antecipou e evitou o segundo do time paulista. Em outra boa oportunidade, após cruzamento de Douglas, o atacante Guerrero cabeceou livre dentro da área, mas Lomba, bem colocado, salvou o Bahia.

As chegadas com perigo do time adversário fizeram o Bahia acordar no jogo e equilibrar a partida. Aos 32 minutos, o meia Kleberson cobrou falta de longe e encontrou  Fahel dentro da área. Na marca do pênalti, o volante desviou de cabeça no canto do goleiro Cássio e empatou o jogo  no Pacembu: 1 a 1. Aos 43 minutos, mais Bahia: o lateral Jussandro fez jogada pela linha de fundo e cruzou na área. O atacante Elias, sem marcação, subiu de cabeça, mas a bola foi por cima do gol.
Na segunda etapa, o jogo permaneceu equilibrado. Os dois times voltaram dos vestiários acesos e em busca do gol. Aos três minutos, não fosse o vacilo do atacante Martinez, o Corinthians poderia ter feito seu segundo gol: após a dividida no alto entre Fabinho e Guilherme Andrade, a bola sobrou para o atacante, que dominou mal e permitiu a chegada do goleiro Lomba. Aos nove minutos, Guerrero até marcou para o Timão, mas estava impedido e o gol foi anulado pela arbitragem.
A resposta do Bahia veio aos 23 minutos: Após receber passe na grande área, o atacante Elias girou sobre a marcação e chutou cruzado. A bola passou com perigo na frente do goleiro Cássio, mas ninguém apareceu para desviar. Três minutos depois, foi a vez do Corinthians chegar: o atacante Guerrero recebeu na área e chutou forte, após girar sobre a marcação. Atento, Marcelo Lomba fez a defesa.

O Bahia chegou aos 32 minutos: o volante Diones tentou o cabeceio, após cruzamento de Neto, mas pegou mal e a bola sobrou fácil para o goleiro Cássio. Em outro lance, talvez o mais perigoso para o tricolor, aos 46 minutos, por pouco o atacante Rafael, que havia entrado no lugar de Elias, não marca. Após o escanteio cobrado por Gabriel e a péssima saída do goleiro Cássio, a bola foi na cabeça do atacante, mas ele errou o alvo e mandou por cima da meta.
Corinthians 1 x 1 Bahia - 32ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo (SP).
Data: sábado, 20 de outubro.
Horário: 18h30.
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Asp. Fifa/GO).
Assistentes: Márcio Eustáquio Sousa Santigago (Fifa/MG) e Guilherme Dias Camilo (Asp. Fifa/MG).
Gols: Douglas (aos 10 minutos do primeiro tempo) para o Corinthians; Fahel (aos 32 minutos do primeiro tempo) para o Bahia.
Cartões amarelos: Ânderson Polga e Paolo Guerrero (Corinthians); Danny Morais, Titi e Fahel (Bahia).
Público: 20.250 pagantes
Renda: R$ 550.820
Corinthians: Cássio; Edenílson,  Anderson Polga, Wallace (Felipe) e Denner (Weldinho); Guilherme Andrade, Guilherme, Douglas (Jorge Henrique) e Romarinho; Juan Martínez e Paolo Guerrero
Bahia: Marcelo Lomba; Neto, Titi, Danny Morais e Jussandro; Fahel, Diones (Victor Lemos), Fabinho e Kléberson (Zé Roberto); Gabriel e Elias (Rafael). Técnico: Jorginho.

A Tarde

Classificação da Série C

Grupo A
 ClubePGJGVIEMDEGPGCSG%A
1 Fortaleza-CE3516105126101672.9
2 Luverdense-MT341710433224866.7
3 Santa Cruz-PE22175752621543.1
4 Icasa-CE21166371718-143.8
5 Paysandu-PA21164932218443.8
6 Salgueiro-PE19164752323039.6
7 Águia-PA19164752128-739.6
8 Treze-PB161651101833-1533.3
9 Cuiabá-MT16163761618-233.3
10 Guarany-CE13163491927-827.1

O Tricolor está vivo na Série C!

Foi na emoção, mas o Santa Cruz está vivo na Série C.

Várias surpresas agradáveis na escalação do time.

A começar, pela estréia de Marcos Pimentel. Atuou bem na marcação. Foi bem no apoio. Cruza melhor que Diogo. Faz o papel de um bom lateral. Podemos dizer que o tricolor finalmente, o lateral direito.

O esquema 4-2-3-1. Os três meias jogaram bem.

Luciano Henrique como titular. Chamou a responsabilidade do jogo. Comandou a equipe tática e tecnicamente. Renatinho auxiliou bastante. Leozinho fazia a sua melhor partida, até ser expulso.

Dênis Marques voltou a ser o jogador decisivo. Apesar de desperdiçar duas oportunidades claras de gol. Fez o primeiro, sofreu o pênalti e converteu-o.

Apesar da preocupação com a situação da contusão de Vágner, César Lucena fez a sua estréia e deu conta do recado.

O ponto destoante da equipe, Édson Borges.

O maior pecado. Finalização. Poderia ter matado o jogo ainda no 1º tempo.

A outra falha. A postura defensiva no 2º tempo. Atraiu tanto o Luverdense, que sofreu o empate.

O árbitro Vágner Magalhães. Perdido. Errou muito. Inverteu muitos lances, principalmente contra o Santa. Deixou de marcar dois pênaltis. Um para o Luverdense e outro para o tricolor.

Renasce a esperança. Principalmente pelo que a equipe criou.

Classificação será em Marabá?


sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Dois Toques lança Nota de repúdio ao Presidente do Náutico

O Repórter Luís Henrique Charamba foi retirado por dois seguranças do Náutico, que alegaram, ordens do Presidente Paulo Wanderley, para tal ato.


A Agência Dois Toques lançou Nota de repúdio ao Presidente do Náutico


Informarmos que, de forma autoritária, nosso repórter Luís Henrique Charamba foi impedido de acompanhar o treino do Náutico, realizado na tarde desta sexta-feira, dia 19 de outubro, no Estádio dos Aflitos.


Charamba foi retirado da atividade pelos seguranças do clube, sem receber justificativa alguma, e apenas foi informado de que se tratava de uma ordem do presidente Paulo Wanderley.


Lamentamos tal ato de censura, motivado por críticas feitas pelo nosso portal à diretoria do clube e informamos que contamos com o total apoio da Associação dos Cronistas Desportivos de Pernambuco, na pessoa do presidente Iranildo Silva, e que, caso necessário, tomaremos providências jurídicas, uma vez que tal ato é anticonstitucional e fere a liberdade de imprensa.


Nossa equipe é composta por profissionais credenciados junto à ACDP, o que nos dá o direito de cobrir quaisquer eventos esportivos que aconteçam no estado de Pernambuco.


A Dois Toques Comunicação, empresa responsável pelo portal doistoques.net, repudia a atitude do mandatário alvirrubro, mas reafirma o seu compromisso com os torcedores do Náutico. Apesar do ato de censura, seguiremos cobrindo o dia a dia do Timbu, tendo a verdade como o nosso único compromisso.


Atenciosamente,

Dois Toques Comunicação

Obs: Nós do Nordestebol, não só subscrevemos a Nota de Repúdio, como também discordamos da forma autoritária como o assunto foi tratado.

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Classificação final da 1ª fase da série A2 pernambucana















Classificação da Série A

 ClubePGJGVIEMDEGPGCSG%A
1 Fluminense-RJ6931209251213074.2
2 Atlético-MG6031179551262564.5
3 Grêmio-RS5831177746271962.4
4 São Paulo-SP55311741048291959.1
5 Vasco da Gama-RJ503114893834453.8
6 Internacional-RS45311112840301048.4
7 Botafogo-RJ4431128114541447.3
8 Cruzeiro-MG4331127123839-146.2
9 Corinthians-SP43311110103833546.2
10 Santos-SP4231101293939045.2
11 Coritiba-PR4131125144549-444.1
12 Náutico-PE4031124153847-943.0
13 Portuguesa-SP3831911113535040.9
14 Ponte Preta-SP3731910123442-839.8
15 Flamengo-RJ3731910123141-1039.8
16 Bahia-BA3531811123035-537.6
17 Sport-PE303179152949-2032.3
18 Palmeiras-SP293185182941-1231.2
19 Figueirense-SC283177173659-2330.1
20 Atlético-GO233158183155-2424.7